Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Resumo da Rodada - Futebol - Esporte com Wagner Augusto

Já classificada para a próxima fase, a Portuguesa entrou em campo nesta quarta-feira (28), no Alair Corrêa, a fim de definir sua classificação final no Grupo D da Copa Rio. Como resultado, um empate em 1 a 1 com a Cabofriense, que já estava eliminada, e que deixou a equipe da Ilha do Governador no Grupo E da competição estadual. Diego Sales anotou para os mandantes e Victor Hugo igualou para os insulanos.

Apesar de não ter chances de classificação para a próxima fase, a Cabofriense começou impondo seu ritmo de jogo no começo da etapa inicial. O time da casa era perigoso em diversas investidas, mas não conseguia anotar seu gol. O prêmio saiu já no fim do primeiro tempo, quando Diego Sales abriu o placar, aos 40. Pouco depois, o autor do tento foi expulso após confusão com Pessanha, também excluído do jogo, da Lusa.

Na volta para o segundo tempo a Portuguesa despertou e começou a oferecer perigo ao sistema defensivo do time da casa. Logo aos 8, após receber bom lançamento, Victor Hugo concluiu por cobertura, sem chances para o goleiro Washington, empatando o jogo. No fim, o time insulano até pressionou, mas não teve tranquilidade para virar o marcador e sair de campos com os três pontos, mas manteve sua invencibilidade até o momento.

Se tivesse vencido a Cabofriense, a Lusa ficaria no Grupo F, onde os demais adversários são do Interior do Rio de Janeiro. Com a segunda colocação, a Portuguesa está no Grupo E, ao lado de Gonçalense, Madureira e Audax Rio - adversário do próximo sábado. A Cabofriense encerrou seu ciclo em 2015 e volta a entrar em campo no Campeonato Carioca de 2016.

Foto: Maria Chuteira


APESAR DA GOLEADA BOAVISTA TERMINA SUA PARTICIPAÇÃO NA COPA RIO

O Boavista fez sua parte e venceu o Duquecaxiense por 5 a 1, no Estádio de Los Larios, em Duque de Caxias, nesta quarta (28). 

No entanto, foi eliminado da Copa Rio pois, na outra partida, o Audax Rio venceu o Barra Mansa e ficou com a segunda vaga. Com isso, o jogo decretou o término das atviidades das duas equipes em 2015. 

Os gols do Verdão foram anotados por André Luis, Marcelo Nicácio, Léo Pimenta e Caio, duas vezes. Wallace descontou.

Foto: Internet


MACAÉ VENCE E AVANÇA NA COPA RIO

No único duelo que envolveu dois times com chances de classificação para a próxima fase da Copa Rio - e até então não garantidos - o Macaé venceu o Barcelona por 2 a 0, na tarde desta quarta-feira (28), no Moacyrzão, pela última rodada da primeira fase da Copa Rio. O resultado classifcou o Alvianil Praiano para a próxima fase da competição. Os gols foram marcados por Dos Santos e Marquinho, um em cada tempo, respectivamente.

Precisando de uma vitória para não ter transtornos, o Macaé foi ao ataque logo no começo do jogo e não demorou para abrir o placar. Aos 15 mintos da etapa inicial, Bruno Santos cobrou falta do bico esquerdo da grande área e Dos Santos, livre, apareceu para cabecear sem chances para o goleiro Léo Flores, do Barcelona. O gol deu tranquilidade ao time da casa, que impediu as investidas adversárias e garantiu a vantagem mínima até o intervalo.

A bola mal rolou no segundo tempo e logo o Leão ampliou o marcador. Marquinho recebeu ligação direta do goleiro Marcos Felipe, driblou um zagueiro e também Léo Flores para empurrar para o gol vazio. Já no fim, após pressão do Barcelona, pênalti para os visitantes. No entanto, Sidney parou em no arqueiro alvianil, que pouco antes tinha dado assistência para o segundo gol da tarde.

A vitória garantiu a vice-liderança do Grupo C ao Macaé, que na próxima fase terá Bonsucesso, Volta Redonda e Resende, adversário do próximo fase, na primeira rodada. O Leão segue dividindo atenções com o Campeonato Brasileiro da Série B. Por sua vez, o Barcelona, rebaixado para a Série C do Campeonato Carioca na atual temporada, se despede de 2015 e volta a campo no próximo ano.

Foto: Internet


FERNANDO PRASS SE DESTACA E PALMEIRS ELIMINA O FLUMINENSE

As mãos cada vez mais santas de Fernando Prass guiaram o Palmeiras à final da Copa do Brasil. Autor de defesas importantes durante a vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, nesta quarta, no Allianz Parque, o goleiro defendeu o tiro de Gustavo Scarpa e ainda viu Gum isolar na disputa de pênaltis. O Verdão, perfeito em todas as batidas, venceu por 4 a 1. Rafael Marques, Jackson, Cristaldo e Allione acertaram o pé!
O roteiro que antecedeu os pênaltis foi típico de um mata-mata entre dois gigantes. Prova disso é que o Allianz Parque chegou a explodir de alegria por alguns instantes quando Dudu marcou um gol bem anulado aos 45 minutos do segundo tempo e prendeu a respiração pouco depois, quando Fernando Prass fez defesa fantástica em chute de Fred.
O desempenho das duas equipes no primeiro tempo não sugeria tamanha emoção. O Palmeiras, que precisava de apenas um gol para avançar, já estava vencendo por 2 a 0 aos 17 minutos. Empurrado pela torcida a cada dividida, o time o meio de campo graças à qualidade do jovem Matheus Sales para marcar e sair jogando e, sobretudo pelo retorno de Robinho, após um mês machucado.
O verdão vai enfrentar o Santos na final e o sorteio dos jogos acontece nesta quinta para ver quem joga em casa primeiro.


Foto: Internet