Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Esporte do fim de semana - Olimpíadas e Campeonato Brasileiro com Wagner Augusto

Sem dúvida nenhuma foi a festa mais linda de todos os tempos. O planeta ficou admirado com tamanha beleza e criatividade.

A cerimônia de abertura dos jogos olímpicos Rio 2016 entrou para a história como a mais bela de todos os tempos, nas redes sociais o assunto tomou conta. Do início ao fim, em cada detalhe a simplicidade misturada com tecnologia formaram um par perfeito.

Apesar de toda crise política e econômica em nosso país, tudo leva a crer que a esperança por dias melhores está sendo renovada.

Esta é mais uma oportunidade para que possamos repensar em nos respeitar mais, vivermos com mais amor e dignidade, e cuidar mais de nosso planeta que está tão castigado. Os destaques da cerimônia com certeza, além de toda beleza, foram: a delegação "simbólica" dos refugiados, as delegações com roupas típicas de seus respectivos países, a entrada da delegação brasileira, as vaias em meio a aplausos quando o presidente em exercício Michel Temer decretou aberto os jogos, e é claro a entrada de Gustavo Kuerten com os últimos passos da tocha olímpica, passando por Hortência até chegar nas mãos de Vanderlei Cordeiro, quando a pira foi acesa. Muito emocionante e sem palavras. temos que acreditar em um país melhor. Somos brasileiros e nunca podemos desistir.


Foto; Internet


Uma medalha apenas

A unica medalha conquistada pelo Brasil até então foi de Felipe Almeida Wu, do tiro esportivo, conquistou a prata na disputa da pistola de ar 10 m, na tarde de sábado, no Centro Olímpico de Tiro. Com 202,1 pontos, o paulista de 24 anos só ficou atrás do vietnamita Vinh Xuan Hoang, que somou 202,5, enquanto o chinês Wei Pang ficou com o bronze ao acumular 180.4 pontos.



Foto: Pascal Guyot


MACAÉ FOI MELHOR, MAS EMPATA COM O TOMBENSE SEM GOLS.


O Macaé recebeu o Tombense (MG) na tarde deste sábado (6) no estádio Moacyrzão, no Norte Fluminense, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. As equipes não saíram do zero e saíram com um ponto ganho. Com o resultado, o Macaé permanece na zona do rebaixamento do grupo B com 11 pontos ganhos. Na próxima rodada, o Alvianil Praiano encara o Guaratinguetá (SP), no sábado (13) às 16h também no Moacyrzão.



COM GOLAÇO DE LETRA, FLAMENGO BATE O FURACÃO

O Flamengo mostrou força em Cariacica e bateu o Atlético-PR por 1 a 0, neste sábado, pelo Campeonato Brasileiro e chegou aos 34 pontos. Já os paranaenses seguem com 30, ainda próximos do grupo de classificação para a Libertadores.
Os donos da casa foram superiores em grande parte dos 90 minutos. No entanto, o Flamengo só chegou ao gol no segundo tempo, com Mancuello, de letra. O Atlético-PR teve alguns bons momentos, mas foi envolvido pela marcação cariocas na maior parte do tempo.
Na próxima rodada, o Flamengo vai até Recife para enfrentar o Sport, no sábado. No dia seguinte, o Atlético-PR recebe o Palmeiras na Arena da Baixada.



FLUMINENSE DÁ TRABALHO, MAS SÓ EMPATA COM INTER

O Inter buscou o empate com o Fluminense na tarde deste domingo (7) no Beira-Rio, mas manteve a sequência que agora chega a 11 partidas sem vitória. O Fluminense também manteve uma sina: não conseguiu ainda duas vitórias consecutivas no Brasileiro. O Inter subiu para a 13ª posição, com 22 pontos, enquanto o Fluminense ocupa a 10ª posição na tabela com 25 pontos.
A próxima partida do Inter será contra a Chapecoense, na segunda-feira, 15 de agosto, na Arena Condá. O Fluminense enfrenta o América-MG às 11h (de Brasília) do domingo, 14, em Cariacica.



SELEÇÃO FEMININA DÁ MAIS UM SHOW E GARANTE VAGA NA PRÓXIMA FASE.

Goleada, classificação, show da capitã, recorde e preocupação. Teve de tudo no passeio da seleção brasileira diante da Suécia no torneio de futebol feminino da Olimpíada. De pé, o Engenhão reverenciou Marta e companhia, que proporcionaram um verdadeiro espetáculo para o bom público presente. A capitã marcou duas vezes, assim como Bia, no 5 a 1 contra as europeias, que garante a vaga antecipada na próxima fase. Cristiane completou a goleada, se isolou como a maior artilheira da história dos Jogos Olímpicos, com 14 gols marcados, mas deixou o campo apoiada no fisioterapeuta, com dores musculares.



SELEÇÃO MASCULINA EMPATA SEM GOLS E FICA EM SITUAÇÃO COMPLICADA

A Seleção Brasileira de futebol masculino permanece sem marcar nem sofrer gols nos Jogos Olímpicos. Neste domingo, no Mané Garrincha, o time dirigido por Rogério Micale repetiu o desempenho ruim da estreia contra a África do Sul e lamentou outro 0 a 0, desta vez com o nada tradicional Iraque e sob vaias mais intensas.
“Olê, olê, olá! Marta, Marta!”, chegou a gritar o público em Brasília, comparando o bom rendimento do futebol feminino do Brasil nas Olimpíadas com a fraca campanha dos homens. A hostilização aos atletas foi generalizada, porém, no princípio do segundo tempo, quem mais sofreu com a revolta popular foi o meia Renato Augusto.
O novo 0 a 0 não deixou o Brasil apenas em baixa com a sua torcida. Em situação delicada, o time anfitrião dos Jogos Olímpicos tem os mesmos 2 pontos do Iraque no grupo A da competição, atrás Dinamarca (4) e à frente da África do Sul (1), derrotada pelos dinamarqueses por 1 a 0 (com gol de Robert Skov) na partida preliminar.
A definição dos classificados da chave ocorrerá às 22 horas (de Brasília) de quarta-feira. Na Fonte Nova, a Seleção Brasileira terá a chance de se redimir – talvez a última – contra a Dinamarca, enquanto Iraque e África do Sul duelarão em Itaquera.





Coluna de Wagner Augusto