Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Novo técnico colombiano chega ao Rio e será apresentado pelo Flamengo na 2ª

O técnico Reinaldo Rueda chegou ao Rio de Janeiro na manhã deste domingo para assumir o comando do Flamengo.

O colombiano viajou da Colômbia para o Brasil durante a madrugada e foi recebido no Aeroporto do Galeão por torcedores rubro-negros que cantavam "Ão, Ão, Ão, Rueda é da Nação".

Protegido por seguranças, o treinador de 60 anos se encontrou com o presidente do Fla, Eduardo Bandeira de Mello, em uma van e viaja ainda hoje para Belo Horizonte, onde acompanhará o duelo contra o Atlético-MG pelo Campeonato Brasileiro.

Acertando os últimos detalhes - contrato até o final de 2018 -, Reinaldo Rueda será apresentado pelo Flamengo já nesta segunda-feira e pode estrear diante do Botafogo, na próxima quarta, pela semifinal da Copa do Brasil.

O treinador terá a companhia do auxiliar-técnico Bernardo Redín e do preparador físico Carlos Eduardo Velasco na comissão.

Fonte e foto : ESPN

Moradora de Rio das Ostras, ganha três medalhas de ouro em Campeonato Mundial de "pular corda"

Pular corda para muita gente é uma brincadeira, mas para a atleta de Rio das Ostras, Vivien Vajda, é uma profissão. E no mundo ninguém faz isso melhor do que ela. Vivien voltou de Orlando, nos Estados Unidos, com o pentacampeonato mundial de Jump Rope – esporte de pular corda. O campeonato foi realizado no início de julho e contou com a participação de mais de 500 atletas de diferentes países. Em breve, as crianças de Rio das Ostras terão a oportunidade de conhecer o esporte. O Jump Rope deve ser incluído entre as modalidades oferecidas pelo Município. A expectativa é que o projeto seja implantado ainda este ano.

De acordo com o secretário interino de Esporte e Lazer, Raphael Thuin, a conquista premia uma atleta que deve servir de exemplo para os jovens do Município. “Vivien é o principal nome de um esporte pouco conhecido no Brasil, mas muito difundido em diversos países. Ela participou da abertura dos Jogos Olímpicos de Londres. Além disso, é uma atleta dedicada e uma estudante com ótimo desempenho. A implantação do projeto vai representar um ganho enorme para a juventude de Rio das Ostras. Vivien, que já foi aluna do projeto de Bodyboard do Município, vai ser um grande exemplo para nossos jovens e crianças”, observa Thuin.

Nesta edição, Vivien faturou ao todos cinco medalhas de ouro e duas de prata, nas categorias velocidade, estilo livre e geral. Enquanto não inicia o projeto, a atleta segue a rotina de treinamentos e começa a observar os talentos locais. “O jump rope é um esporte barato, em que só é preciso uma corda e um tênis. Quero ajudar os jovens a descobrir o seu potencial no esporte. Para que eles tenham oportunidades, como as que tive, e se afastem dos perigos das ruas”, disse Vivien. 



PERFIL – Filha de mãe brasileira e pai húngaro, Vivien, de 19 anos, nasceu e viveu na Hungria, onde estudou e se apaixonou pelo esporte. O exemplo vem de casa: o pai, Laslo Vajda, é um importante nome da patinação no gelo no país europeu, tendo disputado inclusive as Olimpíadas de 1976, em Montreal. Vivien, aliás, seguiu os passos do pai na patinação e também fez ginástica. Os saltos e giros presentes nos dois esportes lhe deram uma boa base para a prática do jump rope e já no primeiro campeonato que disputou, em 2010, aos 15 anos, ela surpreendeu a todos, obtendo uma medalha de ouro e uma prata.

“Eu tenho pais que me apoiam e ajudam muito, eles são meus treinadores também. Quando fico cansada ou triste, posso contar com o apoio deles. Eu tenho muita sorte por tê-los”, destaca.

A performance vitoriosa fez com que Vivien fosse reconhecida não somente na Hungria, onde foi eleita, em 2010, a Atleta do Ano de Esportes Não Olímpicos,. Ela já realizou apresentações em diversos países da Europa, nos Estados Unidos, Canadá, Singapura, China, Hong Kong e Kuala Lumpur. “Quando me apresento, falo para jovens que essa não é uma simples corda, mas uma passagem para conhecer o mundo inteiro”, disse.

O apoio e a valorização na Europa e em outros países não foram suficientes para que Vivien deixasse de lado o sonho de competir pelo Brasil, o que faz desde 2011. O caso de amor com Rio das Ostras já acontece há mais de 15 anos, quando os pais conheceram a Cidade. “Uma amiga nossa nos indicou este paraíso. Ficamos encantados com a natureza daqui. Compramos uma casa, passamos as tirar as férias em Rio das Ostras. E sempre foi o nosso sonho vir morar aqui. Assim, após a Vivien se formar ela quis se mudar para a Cidade e representar Rio das Ostras e o Brasil”, explica o pai, Vajda. lembrando que a filha chegou a ser aluna no Projeto da Escola de Bodyboard desenvolvida no Município.

Corrida da padroeira Nossa Senhora de Assunção, em Cabo Frio

As inscrições para a tradicional corrida da Padroeira de Nossa Senhora de Assunção, em Cabo Frio, estão abertas. 

Segundo a Prefeitura, os interessados têm até o dia 10 de agosto para se inscrever na corrida pela internet. O evento será realizado no dia 13 de agosto nas proximidades da Praia do Forte. 
A concentração será na Praça da Cidadania a partir das 8h.

Segundo a organização do evento, mais de mil atletas são esperados para as provas. Serão disputadas corridas de 6 km e 10km. Além disso, ocorrerá, também caminhada. 

Os primeiros na colocação geral ganham troféu.


Fonte : Prefeitura de Cabo frio
Foto   : Ascom Cabo Frio

Santos pede anulação de jogo com Fla por suposta interferência de repórter da Globo

O Santos enviou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) um pedido de anulação da partida contra o Flamengo, pela volta das quartas de final da Copa do Brasil, na qual o time paulista venceu por 4 a 2 na última quarta-feira (26), mas acabou eliminado por ter perdido o jogo de ida por 2 a 0. 

A equipe alvinegra acusa uma interferência externa de Eric Faria, repórter da TV Globo, sobre a arbitragem de Leandro Vuaden. 

O lance polêmico foi o pênalti marcado por Vuaden aos 40 minutos do primeiro tempo, em disputa entre Réver e Bruno Henrique na área. Após cerca de um minuto, o juiz consultou o quarto árbitro, Flávio Rodrigues de Souza, e reverteu a marcação da penalidade. 

Segundo o Santos, a participação do quarto árbitro "teria sido provocada pelo repórter de campo, Sr. Eric Faria, da Rede Globo de televisão, que é elemento alheio ao certame, devendo se comportar como jornalista e não como torcedor de seu time do coração". 

 Além da anulação do jogo, o Santos pediu à CBF a proibição de que repórteres fiquem na lateral do gramado durante os jogos e se comuniquem com a equipe de arbitragem; a punição ao trio de arbitragem da partida; e o descredenciamento de Eric Faria como repórter de campo. 

Segundo apurou o UOL Esporte, o Santos não possui nenhuma imagem que comprova a suposta interferência externa do repórter da Globo. 

O clube alvinegro se baseia apenas em relatos ouvidos por pessoas próximas ao banco de reservas do clube para fazer a alegação em questão. 
 Eric Faria afirmou que não quer se pronunciar sobre o caso. 

No Twitter, porém, o repórter chamou de "leviana" as acusações de que teria comunicado o quarto árbitro sobre o lance.

 "Alguns me acusam de ter falado com o quarto arbitro. Leviano. Mentiroso. Quem estava mais perto dele?, escreveu. 

Vuaden nega interferência externa Em entrevista ao canal SporTV, o árbitro Leandro Vuaden negou que tenha sido influenciado por uma interferência externa ao anular a marcação do pênalti contra o Flamengo.
"Que fique bem claro que não houve nenhuma interferência externa.Por mais distante que esteja, o ângulo de visão do quarto árbitro é melhor que o meu. O que eu fiz, o que o futebol espera que seja feito, foi buscar uma informação no árbitro", disse. 


 Texto :Colaborou Pedro Ivo Almeida
Foto montagem : JR

Colunista Wagner Augusto - Resumo do esporte no fim de semana

Parecia que o Macaé conseguiria um grande resultado na tarde deste sábado (22) diante do Bragantino (SP) no Estádio Nabi Abi Chedid, quando o Alvianil vencia até os 43 minutos da segunda etapa com gol de Cláudio Maradona, mas no fim, já aos 43, o rival paulista marcou com Marino, conseguindo um empate. Placar final de 1 a 1 em Bragança Paulista.

Apesar de ter deixado a vitória escapar no fim, o resultado não pode ser desprezado pelo Macaé. Com o empate, o Leão segue fora da zona de rebaixamento e deixa o time alvinegro por lá no Grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro. Na próxima rodada, o Alvianil encara o São Bento (SP), no sábado (29), jogando no Moacyrzão.

O jogo começou bastante agitado. Logo no segundo minuto, o Macaé abriu o placar após jogada de contra-ataque que Cláudio Maradona apareceu dentro da área para completar. Depois disso, Luis Henrique salvou o time macaense em algumas oportunidades. O Leão ainda conseguiu pôr uma bola na trave com Maradona aos 30, por pouco não ampliando.

Com um ritmo menos intenso, o Bragantino voltou para a etapa complementar buscando igualar o resultado, só não contava com Luis Henrique pegando tudo pelo lado do Macaé. Porém, já aos 43 minutos, quando o jogo parecia estar com o placar decretado, Marino acertou um chutaço e marcou um belo gol para dar o empate para os donos da casa.

Foto: Bruninho Volotão



COM TIME RESERVA, BOTAFOGO FICA NO EMPATE COM ATLÉTICO-GO

De olho no jogo pela Copa do brasil no meio de semana, o Botafogo poupou praticamente todos os titulares e ficou no empate por 1 a 1 com o Atlético-GO, neste domingo, em Goiânia. Com o resultado, os alvinegros chegaram a 24 pontos e seguem fora da zona de classificação para a Libertadores. Os goianos, com apenas nove, continuam na lanterna do Campeonato Brasileiro.

Após um primeiro tempo ruim, o Botafogo abriu o placar na etapa final, com Vinícius Tanque. O Atlético-GO chegou ao empate em lance irregular. Diego Rosa estava em posição de impedimento antes do gol de Paulinho.

Na próxima rodada, o Atlético-GO terá pela frente a Chapecoense, no próximo domingo, na Arena Condá. Já o Botafogo, após o duelo contra o Atlético-MG pela Copa do Brasil no meio de semana, encara o São Paulo, no sábado, no Nilton Santos.

FLAMENGO SOFRE MAS VENCE NO FIM

O Flamengo recebeu o Coritiba, na noite deste sábado, na Ilha do Urubu, e se reencontrou com a vitória no Campeonato Brasileiro. Com gols de Berrío no início do primeiro tempo, e Everton Ribeiro, de pênalti, aos 46 da etapa final, os cariocas venceram por 2 a 1. Henrique Almeida descontou para o Coxa no segundo tempo.

Com o resultado, o Fla dorme na terceira colocação da competição nacional, com 28 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Santos neste domingo, quando o Peixe recebe o Bahia no Pacaembu. Já o Coritiba foi ultrapassado pela Chapecoense, que venceu o Vitória mais cedo, e ocupa a 14ª colocação com 19 pontos em 16 rodadas.

No meio de semana, o Flamengo vira a chave e decide a classificação para as semifinais da Copa do Brasil na quarta-feira, diante do Santos, na Vila Belmiro. No Brasileiro, os comandados de Zé Ricardo voltam a jogar, no domingo, contra o líder Corinthians, em Itaquera. O Coritiba terá a semana de folga e recebe o Atlético-MG, no domingo, no Couto Pereira.

FLUMINENSE RECEBE O CORINTHIANS E PERDE PARA O LÍDER INVICTO

O líder invicto do Campeonato Brasileiro voltou a vencer na tarde deste domingo. Após empatar com Atlético-PR e Avaí, o Corinthians contou com um gol de cabeça do zagueiro paraguaio Balbuena, após escanteio cobrado por Giovanni Augusto no início do segundo tempo, para derrotar o Fluminense por 1 a 0, no Maracanã.

O resultado fez o Corinthians alcançar os 40 pontos ganhos na tabela de classificação. O segundo colocado Grêmio tem 31 e enfrentará o São Paulo na noite de segunda-feira, no Morumbi. Já o Fluminense permaneceu com 21, mais distante da disputa por uma vaga na próxima Copa Libertadores da América.

Antes de se preocupar outra vez com o Brasileiro, Corinthians e Fluminense terão que se ocupar com a segunda fase Copa Sul-Americana. Na quarta-feira, a equipe paulista receberá o Patriotas, da Colômbia, em Itaquera, com a pequena vantagem de ter empatado por 1 a 1 no jogo de ida. No mesmo dia, a carioca estará no Equador para rever a Universidad de Quito, rival que já goleou por 4 a 0.

Pela competição nacional de pontos corridos, o Corinthians terá pela frente outro time do Rio de Janeiro, o Flamengo, em Itaquera, e o Fluminense jogará contra mais um de São Paulo, a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli. As duas partidas estão agendadas para domingo.

GIGANTE DA COLINA BATE O GALO NO HORTO

O Vasco entrou em campo com vários garotos neste domingo e não decepcionou. Mesmo dentro do Horto, os cruzmaltinos venceram o Atlético-MG por 2 a 1 pelo Campeonato Brasileiro. O destaque da partida foi o jovem Paulinho. Com apenas 17 anos, em sua primeira oportunidade como titular, o jogador marcou os dois gols dos cariocas.

Com o resultado, os vascaínos chegaram a 23 pontos e voltam a brigar por um lugar na zona de classificação para a Libertadores. Os mineiros seguem com 20, ainda no meio da tabela do Campeonato Brasileiro.

O Vasco iniciou melhor o jogo e abriu o placar com Paulinho. O Atlético-MG conseguiu o empate pouco tempo depois, com Yago. Mas no segundo tempo, em contra-ataque, Paulinho marcou seu segundo gol na partida e deu números finais no Independência.

Na próxima rodada, o Atlético-MG vai até a capital paranaense para enfrentar o Coritiba, no domingo. Já o Vasco só volta a campo na segunda-feira da semana que vem, quando recebe o Atlético-PR, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda

LUTO NO FUTEBOL: MORRE O EX-GOLEIRO VALDIR PERES

O futebol brasileiro lamenta a morte de um grande personagem. Waldir Peres, goleiro que fez história com a camisa do São Paulo e também defendeu a Seleção Brasileira, morreu neste domingo aos 66 anos. Ele sofreu um infarto no interior paulista, foi levado ao Hospital 22 de Outubro, mas não resistiu.

Em clubes, Waldir Peres foi revelado na Ponte Preta, porém fez história no São Paulo. É o segundo jogador com mais partidas no clube, com 617 participações, atrás apenas de Rogério Ceni – defendeu o Tricolor entre 1973 e 1984.

Ex-goleiro Waldir Peres morre vítima de infarto.

Neste domingo, o São Paulo se despediu de um de seus maiores ídolos na história. Morreu, em Mogi Mirim, o ex-­goleiro Waldir Peres, campeão brasileiro em 1977.

O arqueiro foi vítima de um infarto fulminante logo após o almoço, quando seguia para uma festa de aniversário. Waldir tinha 66 anos e não apresentava nenhum problema de saúde.

"Nós viemos passear na casa de uns amigos numa festa de aniversário em Mogi Mirim, ele acordou legal, estava brincando conversando e depois do almoço aconteceu, passou mal", lamentou a irmã Isabel.

Depois de comer, o ex­goleiro sentiu azia, falta de ar e sofreu o infarto. Ainda houve tempo para levá­lo ao hospital 22 de Outubro, em Mogi Mirim, mas Waldir não resistiu.

A irmã Isabel estava com Waldir, que não era casado, mas deixa dois filhos e uma filha. Os rapazes moram em São Paulo e já seguiram para o interior, enquanto a moça vive na Malásia.

Waldir Peres é o segundo jogador que mais defendeu o São Paulo, com 617 partidas disputadas entre 3 de novembro de 1973 e 26 de maio de 1984. O recorde foi quebrado por Rogério Ceni em 2005. No Tricolor, foi tricampeão do Campeonato Paulista (1975, 1980 e 1981) e do Brasileirão de 1977, sendo herói na disputa de pênaltis contra o Atlético­MG. Natural de Garça, no interior paulista, ele completou 66 anos em 2 de janeiro. Pela seleção brasileira, foi convocado para as Copas do Mundo de 1974, 1978 e 1982, sendo a última como titular do esquadrão de Telê Santana



Fonte : UOL Esporte
Foto   : 

Jogador Gustavo Bochecha, do Botafogo, visita a LBV em Maricá

O jogador de futebol Gustavo Costa da Silva Machado, mais conhecido como Gustavo Bochecha, que foi um dos destaques do time sub-20 do Botafogo e, posteriormente, subiu para os profissionais, visitou na manhã do dia 18 de julho, o Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade (LBV), da cidade de Maricá.

Na oportunidade, o volante do time alvinegro participou de uma roda de conversa informal com as crianças e adolescentes atendidos pelo programa Criança: Futuro no Presente, para celebrar o Dia Nacional do Futebol*. “Bochecha” deu autógrafos para as crianças e assistiu a um vídeo com momentos de sua carreira como o início na Escolinha de Base do Esporte Clube em Maricá, no qual as crianças perceberam como é possível conquistar seus sonhos, basta uma oportunidade.

Ao telefone, concedeu entrevista ao programa Momento Esportivo, da Super Rádio Brasil AM 940, relatando os momentos da visita com as crianças da LBV, onde pôde passar para elas um pouco de sua experiência como jogador de futebol: “a experiência foi muito boa. Fui muito bem recebido aqui, o carinho das crianças. Pude passar um pouco do que aprendi e estou aprendendo nessa vida, de futebol e pelo fato de representar Maricá também, sou o único jogador da cidade. Ensinar a elas o caminho certo, não só do futebol, mas do mundo.”

A respeito do carinho das crianças nesse momento difícil da carreira, em que sofreu uma lesão grave de ligamento, mas está se recuperando, o jogador de 20 anos assim se expressou: “não tem preço, nada compra o carinho dessas crianças”, disse.

*DIA NACIONAL DO FUTEBOL

Origem da data: Em 19 de julho, comemoramos o Dia Nacional do Futebol, o esporte mais popular do Brasil. A data comemorativa foi criada pela CBD (Confederação Brasileira de Futebol) em 1976 em homenagem ao mais antigo time de futebol brasileiro em atividade: o Sport Club Rio Grande. O time da cidade de Rio Grande (RS) foi fundado em 19 de julho de 1900.

Visite, apaixone-se e ajude a LBV!

O Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade está localizado na Av. Francisco Sabino da Costa, 355 - Centro - Maricá/RJ. Telefone para informações: (21) 2634-2027.




Texto : Natália Guarany - Assessoria de Marketing e Comunicação da LBV - RJ
Foto : LBV Maricá

Time do Rio usa farinha para marcar campo e perde jogo por WO

Você já viu um campo marcado com farinha de trigo ao invés de cal? Parece, no mínimo, inusitado, mas aconteceu na Série C do Campeonato Carioca sub­17, na partida entre Duque de Caxias e São Gonçalo, realizada no último domingo (9), no estádio Romário de Souza Faria, o Marrentão – homenagem ao craque Romário. 

O duelo estava marcado para as 13h. Na súmula, o árbitro Diogo de Souza Andrade relata que chegou ao estádio às 10h50 e se deparou com o campo sem marcação. Ele acrescenta que nada foi feito pelo clube mandante até a hora da partida e que, às 13h07, foi iniciada uma 'tentativa frustrada de marcar o campo com farinha de trigo, o que não é permitido'.

Sem resolver o problema, o Duque de Caxias foi colocado pelo arbitro como perdedor por WO.

"Foi aguardado os 15 minutos regulamentares e mais 15 de bom senso, mas a marcação do campo não foi feita, então encerrei a partida", completa o árbitro.

Duque de Caxias

A marcação não estava tão apagada, o clube Duque de Caxias confirma a tentativa de marcar o campo com farinha de trigo, porém, alega que a marcação não estava tão apagada como o juiz relatou. 




"O campo estava marcado com as linhas tradicionais, mas o trio de arbitragem alegou que estava apagada e se recusou a dar início à partida até que as linhas fossem acesas. Os responsáveis pela base procuraram locais no entorno do estádio para comprar cal, mas como era domingo, à tarde, não tinham muitas lojas abertas e a solução paliativa foi a farinha de trigo mesmo. Tentaram acender, mas não foi suficiente para a arbitragem e, como passaram os 30 minutos regulamentares mais 15 de bom senso, eles encerraram a partida por WO", informou o clube fluminense.

Jogo seguinte já contou com cal e ocorreu normalmente A partida seguinte, às 15h, entre os mesmos times, mas pelo sub­15 da Série C, acabou ocorrendo normalmente, já com cal.

"Para a partida sub­15 deu tempo para comprar cal em outro lugar e realizar a marcação da forma que a arbitragem queria, e rolou o jogo", completa o Duque de Caxias.

Na primeira partida, do sub­17, a arbitragem deu WO por falta de marcação do campo. Mas ele estava marcado.O caso será encaminhado ao TJD A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) Serão julgados tanto o fato de o Duque alegar que o jogo poderia ter ocorrido com o campo do jeito que estava como a tentativa do clube de usar farinha de trigo para marcar o gramado – o que não é permitido.





Fonte : UOL Esporte
Foto : FERJ Montagem UOL

Ginastas de Cabo Frio disputam Campeonato Brasileiro de Trampolim

A equipe de ginástica artística de Cabo Frio viajou para mais um desafio nacional. O grupo vai disputar o Campeonato Brasileiro de Trampolim, em Ouro Preto, Minas Gerais. A competição começa nesta quarta-feira (12) e vai até o domingo (16).

A equipe é comandada pelos professores Edson Olaendre e Ana Paula, que terão os seguintes atletas na disputa: Lais Gusmão, Geovana Silva, Hosana Abreu, Samyra Melo, Bianca Ferreira, Laryssa Schumaker e Said Rocha.

"Vamos para o quinto Campeonato Brasileiro nesta modalidade. Apesar de trabalharmos a ginástica artística, nos sentimos seguros de que nossos atletas serão capazes de bons desempenhos nos aparelhos da ginástica de trampolim", disse Edson Olaendre.

O secretário de Esporte de Cabo Frio, Eliseu Pombo, enalteceu a ida da equipe para a competição nacional. "A ginástica artística é um orgulho para todos nós cabo-frienses, pois foi iniciado no Projeto Novo Cidadão e continua com o trabalho. Estou feliz em ver vários atletas da cidade disputando uma competição muito importante", comentou.



Fonte : Coordenadoria de Comunicação Prefeitura de Cabo Frio

Foto   : Google

Colunista Wagner Augusto - Resumo do futebol no fim de semana

Bahia e Fluminense se enfrentaram na tarde deste domingo na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela décima segunda rodada do Campeonato Brasileiro, e não saíram do empate por 1 a 1. O Bahia dominou amplamente a partida, mas foi o Flu que saiu na frente no primeiro tempo com Wellington Silva. De tanto insistir, o Bahia chegou ao empate no final do segundo tempo, com João Paulo.
O resultado não foi bom para nenhuma das duas equipes. O Bahia segue nas últimas posições da tabela com apenas 12 pontos. Já o Flu, com 17 pontos, se vê cada vez mais longe dos líderes da competição nacional e ainda pode perder mais posições até o final da rodada.
Na próxima quarta-feira, o Fluminense tem pela frente o clássico carioca diante do Botafogo, no Maracanã. Já o Bahia visita, no mesmo dia, a Ponte Preta em Campinas.

Foto: F. F. C.

FLAMENGO VENCE O VASCO NA COLINA E JOGO É MARCADO PELA VIOLÊNCIA

O Flamengo segue em recuperação no Campeonato Brasileiro e, neste sábado, venceu por 1 a 0 o Vasco, em São Januário. A vitória foi a quarta seguida dos rubro-negros na Série A e colocaram a equipe com 23 pontos, na vice-liderança da competição. Já os cruzmaltinos sofreram o segundo revés em casa, permanecem com 16 e devem sair da zona de classificação para a Libertadores.
O clássico foi disputado em ritmo lento, com muita marcação de ambas as partes. O Rubro-Negro teve mais posse de bola durante a partida e chegou ao gol da vitória no segundo gol, com Éverton.
Após o apito final, a torcida do Vasco começou uma grande confusão que se estendeu até o lado de fora do estádio, culminando com a morte de um vascaíno.
Na próxima rodada, o Flamengo terá duelo direto contra o Grêmio, na Ilha do Urubu, nesta quinta-feira. Na quarta-feira, o Vasco vai até Salvador para enfrentar o Vitória.

NO RETORNO DE JÉFERSON, BOTAFOGO EMPATA COM O GALO NO NILTON SANTOS

Botafogo e Atlético Mineiro protagonizaram um bom duelo na noite deste domingo, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. A partida terminou em 1 a 1. O Galo se armou muito bem defensivamente e deu trabalho nos contra-ataques, abrindo o placar no primeiro tempo com Marlone. O Botafogo teve muitas dificuldades e pouco produziu ofensivamente, mas foi salvo por um pênalti nos acréscimos do segundo tempo. Roger cobrou e Victor defendeu, mas no rebote o atante converteu.
Uma vitória garantiria uma posição no G-6 para qualquer um dos dois, mas o empate foi ruim para ambos. O Galo fecha o domingo na oitava posição com 17 pontos, e o Bota aparece em décimo com 16. Os dois podem perder posições ainda nesta rodada, já que Coritiba e Sport jogam nesta segunda.
Na próxima rodada, na quarta-feira, o Botafogo encara o Fluminense no Maracanã e o Atlético-MG recebe o Santos no Independência.

BOAVISTA PERDE NO ES E FICA EM DESVANTAGEM NA SÉRIE D

Jogando muito mal, o Boavista perdeu por 1 a 0 para o Espírito Santo no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES). Essa foi a partida de ida da segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro, já em mata-mata. O gol solitário foi marcado pelo atacante Nilo, ainda na etapa inicial.

No próximo sábado (15), as equipes voltam a duelar pela partida de volta da segunda fase. O palco será o Estádio Elcyr Rezende, em Saquarema. Para avançar, o Boavista vai precisar vencer por dois gols de diferença. Caso derrote o Espírito Santo por 1 a 0, a decisão irá para disputa de pênaltis.

MACAÉ PERDE MAIS UMA E FICA EM SITUAÇÃO DELICADA NA SÉRIE C

Embalo interrompido. Após duas vitórias seguidas, o Macaé voltou a perder pelo Grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro neste sábado (8). O carrasco foi a Tombense (MG), que, jogando em casa - no Estádio Antônio Guimarães de Almeida -, venceu por 2 a 1, gols de Wellington Carvalho e Max. Raphael Costa anotou o do Alvianil Praiano.

Com o resultado, o Macaé fica estagnado nos 10 pontos e volta a ser ameaçado pelo Z-2 do Grupo B. O próximo compromisso do Alvianil será daqui a uma semana, em confronto fluminense. No Moacyrzão, o Leão vai receber o Volta Redonda, às 15h do próximo sábado (15). A partida será válida pela 10ª rodada do Grupo B da Série C Nacional.


Foto: Internet

Nome de jogador chama atenção em campeonato juvenis que Grêmio participa


O time Sub­18 do Grêmio está disputando a Copa Mitad del Mundo, torneio juvenil em Sangolquí, no Equador. 

O que chamou a atenção na partida do último domingo (2), que terminou com derrota brasileira por 1 a 0, porém, foi o nome do autor do gol do Atlético Nacional: 

Efmamjjasond Gonzáles. 

O nome praticamente impronunciável não tem nada a ver com a nacionalidade – o jovem é colombiano. 

O mais incrivel é por que ele tem esse nome. Nada mais é que uma homenagem aos meses do ano em espanhol. Isso mesmo: Enero, Febrero, Marzo, Abril, Mayo, Junio, Julio, Agosto, Septiembre, Octubre, Noviembre e Diciembre. 

“Calendário” Gonzáles, como já está carinhosamente conhecido nas redes sociais, promete ser uma dor de cabeça aos narradores quando chegar no time profissional do Atlético Nacional.


Fonte : UOL Redação
Foto   : Blog Atlético Nacional

Vasco apresenta dupla e Ramon e Bruno Paulista

O Vasco apresentou o lateral esquerdo Ramon, ex­campeão da Série B e da Copa do Brasil de 2011 pelo clube, e o volante Bruno Paulista, que já havia acertado com o Cruzmaltino em janeiro, mas teve problemas burocráticos que o impediram de ser anunciado antes. 

Contratação que gerou burburinho nas redes sociais, Ramon chegou querendo enterrar o passado polêmico, quando fez provocações ao Vasco e aos torcedores cruzmaltinos em sua passagem pelo Flamengo, onde declarou ser rubro ­negro de infância. 

"Quando a gente é jovem não sabe lidar às vezes com algumas coisas e, quando fala, age sem pensar. Fui ingrato, errei, mas quem é que nunca falou algo sem pensar e depois não se arrependeu? Se algum de vocês (jornalistas) nunca cometeu um erro, que falem. O Vasco é minha casa, fez ser quem eu sou, me deu visibilidade. Eu tenho uma história aqui dentro, sei a responsabilidade que é jogar no Vasco. Eu amadureci, mas posso falar o que for, que se eu não corresponder em campo, não adianta. O passado, passou. Estou falando isso agora porque eu devo uma satisfação à torcida vascaína. Perguntas em relação ao passado eu não vou responder. Agora é presente e futuro", decretou. 

Questionado se estaria apto para estrear já neste sábado, justamente contra o Flamengo, em São Januário, Ramon garantiu estar em seu auge físico, faltando apenas ritmo de jogo. O lateral esquerdo, inclusive, dimensionou o seu desejo em encarar o Rubro ­Negro. 

"Não há jogo melhor para estrear. É o jogo que eu quero, que eu preciso", destacou. 

Bruno Paulista também se colocou a disposição do técnico Milton Mendes para estrear no sábado. Seu setor terá os desfalques de Jean e Douglas, suspensos, e seu aproveitamento é mais provável que o de Ramon. Mais tímido que o lateral, o volante relembrou o período difícil que enfrentou onde só podia treinar: 

"Para mim foi muito difícil, porque quando eu saí em janeiro já estava praticamente certo e, infelizmente, aconteceram essas coisas burocráticas, mas posso falar que minha vontade sempre foi ficar no Vasco. Esse lado burocrático deixei com os dirigentes e empresários". Paulista também explicou os motivos que o levaram a não ter um grande destaque no Sporting, de Portugal, após deixar o Bahia como sendo a maior negociação em reais da história do clube baiano. 

"Saí com 18 para 19 anos e as coisas aconteceram muito rápido. Me lembro que treinei na sexta, ai o presidente já me chamou na sala e sei que na segunda já estava em Portugal. E lá eu ainda não estava com a musculatura preparada para suportar a sequência. Acabou que na sexta rodada tive uma lesão grave na coxa e depois acabei tendo este problema outras vezes. Acho que saí muito cedo, muito rápido e fiquei um pouco desnorteado"


Fonte : UOL Esporte - Bruno Vaz
Foto   : UOL Esporte

Resumo do futebol com Wagner Augusto

O Fluminense perdeu a chance de entrar na zona de classificação para a Libertadores ao empatar por 3 a 3 com a Chapecoense, nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro. Os tricolores buscaram a igualdade no placar nos acréscimos e exaltaram a determinação da equipe. O atacante Marcos Júnior, autor do terceiro gol, destacou que os donos da casa ainda tiveram chance de sair de campo com os três pontos.

O Fluminense não conseguiu acabar com a escrita de nunca ter vencido a Chapecoense. Agora, os tricolores vão focar no próximo desafio, neste domingo, contra o Bahia, em Salvador. Para esta partida, o técnico Abel Braga sabe que não poderá contar com o atacante Richarlison, que recebeu o terceiro cartão amarelo.

Foto: F. F. C.

BOTAFOGO

O Corinthians esbarrou na retranca do Botafogo na tarde desse domingo. Encontrou dificuldades, terminou o primeiro tempo sem acertar o gol, mas contou com a estrela de seu técnico para vencer o Botafogo diante de 40.658 pessoas em Itaquera e abrir sete pontos de vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro depois de 11 rodadas disputadas. Jô, que perdera um pênalti no início da segunda etapa, mais uma vez foi o autor do gol salvador, mas as entradas de Marquinhos Gabriel e, principalmente, de Pedrinho, apostas de Carille, foram cruciais para que o Timão alcançasse o 25º jogo invicto no ano um novo 1 a 0.

Na próxima rodada, o Corinthians reedita a decisão do Paulistão contra a Ponte Preta, de novo em Itaquera, sábado, às 19h. O Botafogo entra em campo no domingo, às 16 horas, para buscar a reabilitação frente ao Atlético-MG no estádio Nilton Santos.


FLAMENGO VENCE E JOGA O SÃO PAULO PARA O Z-4

O São Paulo está na zona de rebaixamento. Neste domingo o Flamengo não deu chances ao Tricolor paulista na Ilha do Urubu e confirmou o favoritismo diante dos rivais, que acabaram caindo para a 17ª colocação ao serem derrotados por 2 a 0. Embalados na nova casa – o time ainda não perdeu no estádio Ilha do Urubu -, os rubro-negros mais uma vez mostraram um bom futebol e contaram com dois golaços, um de Guerrero e outro de Diego, para somar três pontos e reassumir a terceira colocação do Campeonato Brasileiro.

VASCO EMPATA NO FIM FORA DE CASA

Em jogo fraco no primeiro tempo e muito movimentado na etapa final, Coritiba e Vasco empataram por 2 a 2 em partida disputada na noite deste domingo, na Vila Capanema, em Curitiba. O time carioca saiu na frente com Thalles, o Coxa virou com dois gols marcados por Kleber e o Vasco voltou a deixar tudo igual com Wagner. O resultado fez o Coritiba manter a invencibilidade em casa, enquanto o Vasco segue sem vencer como visitante. Com o ponto conquistado, o a equipe paranaense chegou aos 16 pontos na oitava colocação. O time de São Januário tem a mesma pontuação, mas está na sexta posição.

Na próxima rodada, o Coritiba vai receber o Sport, no Couto Pereira. O Vasco vai encarar o Flamengo, em São Januário.

Vasco pode ser punido por causa do tumulto no jogo contra o Corinthias

Depois de não terem sido penalizados em julgamento há duas semanas por confusões na goleada sofrida para o Corinthians em São Januário, Vasco e Milton Mendes correm novo risco. 

A Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) recorreu em despacho divulgado na última sexta da decisão da quarta turma disciplinar, e o caso agora vai para o Pleno. Ainda não há data confirmada para que o segundo julgamento seja realizado. O Vasco foi indiciado por conta da briga entre torcedores vascaínos na arquibancada de São Januário após a derrota para o Corinthians na quinta rodada do Campeonato Brasileiro. 

O clube cruz­maltino foi enquadrado no artigo 213, inciso I, por não prevenir e reprimir as desordens de torcedores, com pena de multa entre R$ 100 e R$ 100 mil e perda de até dez mandos de campo. A arbitragem colocou na súmula a confusão dos torcedores, o que ocasionou a denúncia por parte da procuradoria do STJD: 

"ao término do jogo, ocorreu um princípio de tumulto entre torcedores do Vasco, localizada ao lado oposto do banco de reservas, o policiamento agiu para controlar a confusão rapidamente. Segundo o comandante do policiamento Sr Major Silvio ao menos uma pessoa foi detida".

 Já o técnico Milton Mendes, expulso diante do Grêmio na quarta rodada do Brasileiro, cumpriu suspensão automática contra o Corinthians. Ele ficou no camarote de São Januário, e o auxiliar Ednelson Silva comandou a equipe em campo. Entretanto, imagens da transmissão da partida pela televisão constataram uma suposta interferência de Milton Mendes na partida, o que não poderia ter acontecido por estar suspenso. O treinador do Vasco acabou sendo enquadrado pela procuradoria do STJD nos artigos 191, inciso II (deixar de cumprir a automática) e 258 (conduta contrária à disciplina e ética desportiva), que prevê multa de até R$ 100 mil na primeira infração e suspensão de um a seis jogos na segunda infração. 
O Vasco também pode sofrer mais uma multa de R$ 10 mil neste caso.


Fonte : UOL Esporte



Colunista Wagner Augusto - Futebol do fim de semana

O Botafogo decepcionou a sua torcida ao ser derrotado pelo Avaí por 2 a 0, em partida disputada na noite desta segunda-feira, no estádio Nilton Santos, no encerramento da décima rodada do Campeonato Brasileiro. A torcida alvinegra, que esperava ver seu time subir para a terceira posição, voltou para a casa frustrada. O time de General Severiano segue com 15 pontos, mas caiu para a oitava posição. O Avaí, que alcançou a segunda vitória na competição, chegou aos oito pontos ganhos e deixou a lanterna para o Atlético Goianiense. Joel, ex- Botafogo, foi o carrasco da sua ex-equipe, marcando os dois gols da equipe catarinense.
O Avaí mereceu o resultado por ter aproveitado as oportunidades que apareceram para definir o jogo. E ainda contou com o goleiro Douglas, que teve uma grande atuação. O Botafogo foi surpreendido pelo adversário no começo da partida e depois não conseguiu transformar a grande pressão em gols. Seus jogadores desperdiçaram muitas chances para marcar e ainda tiveram pela frente, um goleiro muito inspirado.
Na próxima rodada, o Botafogo vai enfrentar o Corinthians, em São Paulo. O Avaí vai receber a Ponte Preta, em Florianópolis.



FLAMENGO VENCE MAIS UMA E SOBE NA TABELA


O Flamengo não mostrou um bom futebol neste domingo, mas venceu por 1 a 0 o Bahia, na Fonte Nova, pelo Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os rubro-negros chegaram a 17 pontos e vão dormir na terceira colocação da Série A. Já os baianos seguem com dez e entram na zona de rebaixamento.
O Esquadrão de Aço foi melhor na partida até a expulsão do zagueiro Lucas Fonseca, ainda no primeiro tempo. A partir daí, o Rubro-Negro teve mais posse de bola, mas sofria com os contra-ataques dos donos da casa, que eram mais perigosos. Só que no segundo tempo, após assistência sem querer de Éverton Ribeiro, a bola sobrou para Berrío finalizar para a rede e decretar a vitória carioca em Salvador.
Na próxima rodada, o Flamengo terá pela frente o São Paulo, no domingo, no Rio de Janeiro. No mesmo dia, o Bahia joga o clássico contra o Vitória, no Barradão.



FLUMINENSE VAI À CAPITAL PAULISTA E EMPATA COM O SÃO PAULO


O São Paulo segue navegando em maré turbulenta no Campeonato Brasileiro. Na fria tarde deste domingo, o Tricolor paulista só empatou com o Fluminense, por 1 a 1, no Morumbi, e agora amarga um jejum de cinco jogos seguidos sem vitórias (três derrotas e dois empates) na competição, que chegou à sua décima rodada.
Com um esquema mais ofensivo (4-3-2-1), o time treinado por Rogério Ceni abriu o placar logo aos seis minutos de jogo, com Jucilei, que marcou o seu primeiro gol em 24 partidas com a camisa tricolor. O São Paulo, contudo, recuou e viu os cariocas exigirem bastante de Renan Ribeiro, que não conseguiu defender o chute de Wendel no começo da etapa final.
Com o resultado, o São Paulo perdeu duas posições e caiu para o 16º lugar, com meros 11 pontos ganhos, flertando perigosamente com a zona de rebaixamento. Em baixa, o time do Morumbi tentará, enfim, se reabilitar na competição nacional fora de casa, diante do Flamengo, às 16 horas (de Brasília) do próximo domingo.
Já o Fluminense, oitavo colocado, com 15 pontos, terá um mata-mata antes de voltar a jogar pelo Brasileirão: na quinta-feira, às 21h45, duelará com o Universidad de Quito, no Maracanã, pela segunda fase da Copa Sul-Americana. Depois, na segunda, dia 3 de julho, às 20 horas, receberá a Chapecoense.



VASCO FAZ O DEVER DE CASA E VENCE O ATLÉTICO-GO


O Vasco fez valer mais uma vez o mando de campo e venceu por 1 a 0 o Atlético-GO, neste domingo, em São Januário. O resultado fez os cruzmaltinos chegarem aos 15 pontos na parte de cima da classificação do Campeonato Brasileiro. Já os goianos seguem com apenas seis, na zona de rebaixamento.
Os vascaínos dominaram as ações durante os 90 minutos, mas só marcaram uma vez, com Nenê, ainda no primeiro tempo. O Atlético-GO ainda buscou pressionar na etapa final, mas esbarrou na falta de qualidade da equipe.
Na próxima rodada, o Vasco vai até o Sul para enfrentar o Coritiba, no Couto Pereira, no domingo. Já o Atlético-GO vai receber o Santos, no sábado, no Olímpico de Goiânia.






Formula 1 - GP Azerbaijão

Em uma era em que a Fórmula 1 reprime pegas e qualquer atitude tresloucada de pilotos em nome da segurança, o GP do Azerbaijão deste domingo destoou completamente. 

Foram várias batidas e passagens arriscadas, além de uma “briga de trânsito” entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel após choque proposital entre os dois carros. A vitória “caiu no colo” de Daniel Ricciardo, que aproveitou o azar do então líder Hamilton e a atitude antidesportiva de Vettel, que era o 2º. Valtteri Bottas, da Mercedes, foi o segundo com uma ultrapassagem na reta final sobre Lance Stroll, da Williams, o terceiro colocado. Vettel foi o quarto, com Hamilton em quinto. 

Com esse resultado, Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 153 pontos, seguido por Hamilton, com 139 pontos. Bottas é o terceiro, com 111 pontos. Ricciardo é o quarto, com 92 pontos. A batida proposital de Vettel em Hamilton, na volta 21, causou punição de 10 segundos nos boxes ao alemão. A advertência tirou a chance de vitória a Vettel. Já Hamilton precisou parar para arrumar o protetor de capacete, que se deslocou. 

Sem Hamilton e Vettel à sua frente, Ricciardo conquistou sua primeira vitória no ano. Massa, que fazia excelente corrida de recuperação (largou em nono e chegou a ficar em terceiro), acabou deixando a prova após problema na suspensão traseira. Ele lamentou a saída e diz que poderia ter vencido.

Na volta 21, os dois pilotos protagonizaram cena digna de acidente de trânsito urbano. O piloto da Mercedes reduziu bruscamente a velocidade na bandeira amarela. Vettel não conseguiu frear a tempo e acertou a traseira da Mercedes. Revoltado, Vettel colou o carro ao lado de Hamilton e gesticulou. O alemão enfiou o carro na lateral da Mercedes. O choque não causou danos às escuderias. Mas o excesso de detritos causou bandeira vermelha. Os pilotos voltaram aos boxes à espera de uma nova largada. Hamilton saiu do cockpit para conferir se havia alguma avaria na Mercedes; Vettel, que estava metros adiante, reclamava com os engenheiros da Ferrari.  

O piloto teve muita dificuldade com os pneus na classificação e quase bateu algumas vezes. Ele largou em nono. Mas Massa faz corrida de recuperação. Ele ganhou 3 posições na largada e depois ultrapassou Raikkonen. Pouco antes da bandeira vermelha, Massa deixou Perez para trás e quase ultrapassou Vettel. Logo na relargada, porém, o brasileiro teve problemas na suspensão traseira. Ele foi perdendo posições e acabou deixando a prova. Fiscais de prova lentos em Baku Até mesmo o excesso de zelo da Fórmula 1 com o asfalto foi deixado de lado neste domingo. Isso porque não havia fiscais de prova eficientes para atender à demanda do GP em Baku. Profissionais que trabalharam no GP do Canadá e Bahrein foram chamados no início da semana para trabalhar no Azerbaijão. O reforço externo não foi suficiente para sanar o problema. A corrida deste domingo sofreu interrupção na volta 11 após abandono de Kvyat. A quebra da Toro Roso escancarou a deficiência na limpeza da pista. Foram mais de 12 minutos para limpar a pista. A demora custou seis voltas sob bandeira amarela. A prova foi liberada com pedaços de carro na pista. A sujeira, aliada a curvas fechadas, proporcionaram acidentes evitáveis. A largada Hamilton manteve a primeira posição na largada e viu pelo retrovisor um acidente envolvendo Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen, que haviam largado em 2º e 3º, respectivamente. O choque entre os finlandeses foi bom para Vettel, que pulou da quarta para a segunda colocação. 

Massa largou em nono e ganhou três posições na volta inicial. Perez fez boa primeira volta e foi de sexto para a terceira colocação. Hamilton perde liderança após falha no ajuste da proteção Não bastasse segurar o ímpeto de Vettel, que vinha em segundo, e manobrar no mais difícil circuito da F­1, Hamilton teve de lidar com um imprevisto: o protetor de cabeça se deslocou. Na principal reta de Baku, o inglês chegou a guiar com uma só mão, enquanto a outra segurava o capacete. O erro na colocação da proteção do capacete pode ter custado a vitória ao inglês. Hamilton entrou nos boxes na volta 32 (de 51, no total) quando era o primeiro, mas voltou atrás de Vettel e longe dos novos líderes. 

Classificação final em Baku: 

1. Daniel Ricciardo (AUS­Red Bull) 
2. Valtteri Bottas (FIN­Mercedes) 
3. Lance Stroll (CAN­Williams) 
4. Sebastian Vettel (ALE­ Ferrari) 
5. Lewis Hamilton (GBR­Mercedes) 
6. Esteban Ocon (FRA­ Force India) 
7. Kevin Magnussen (DIN­Haas­Ferrari) 
8. Carlos Sainz (ESP­Toro Rosso) 
9. Fernando Alonso (ESP­McLaren) 
10. Pascal Wehrlein (ALE­ Sauber) 
11. Marcus Ericsson (SUE­ Sauber) 
12. Stoffel Vandoorne (BEL­McLaren) 
13. Romain Grosjean (FRA­ Haas) 

Não completaram 

Kimi Raikkonen (FIN­ Ferrari) Sergio Perez (MEX­Force India) Felipe Massa (BRA­Williams) Nico Hulkenberg (ALE­Renault) Jolyon Palmer (GBR­Renault) Max Verstappen (HOL­Red Bull) Daniil Kvyat (RUS­Toro Rosso


Fonte : UOL Esporte

Deu "ruim" no jogo em São Januário. Pancadaria e protesto contra Eurico

Mal deu tempo de o jogo começar e São Januário já viveu mais um dia de muitos problemas neste sábado. Aos 13 minutos do primeiro tempo da partida entre Vasco e Avaí, o estádio teve uma queda de energia. 

Às escuras, torcedores passaram a gritar xingamentos contra o presidente Eurico Miranda. Como já havia acontecido no jogo contra o Corinthians, uma briga generalizada tomou conta da arquibancada logo na sequência. 
Desta vez, a Polícia Militar precisou usar tiros de bala de borracha para apartar a confusão. Alguns instrumentos de percussão foram destruídos pelos policiais. De sua sala, Eurico observava tudo tranquilamente fumando seu tradicional charuto. Deu tempo, inclusive, para receber visitas e tirar fotos. 

Para esta partida, a "Guerreiros do Almirante", uma das organizadas mais importantes do clube, não compareceu. Na sexta, ela emitiu uma nota oficial justificando a ausência a supostas ameaças e coações por parte dos seguranças do Vasco. 

Aos poucos os refletores voltaram em São Januário.



Fonte : UOL Esporte
Foto   : Bruno Braz - UOL Esporte

Colunista Wagner Augusto - Esporte - Futebol pelo Brasil

Botafogo e Coritiba fizeram um jogo bastante movimentado na manhã deste domingo no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, em partida válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. No final deu empate em 2 a 2 com Kleber e Henrique Almeida marcando de pênalti para os visitantes, e Roger e Carli descontando para o Alvinegro.
O resultado mantém o Coritiba nas primeiras posições, com 13 pontos, enquanto o Botafogo continua pelo meio da tabela com oito.
O Botafogo volta a campo na quarta-feira, no início da sétima rodada do Brasileirão. Desta vez o Alvinegro jogará fora de casa, diante do Vitória, no Barradão. Já o Coritiba só joga na quinta, quando recebe o Bahia no Couto Pereira.


Foto: Vítor Silva


EM JOGO POLÊMICO, FLA EMPATA COM O AVAÍ NA RESSACADA

O Flamengo visitou o Avaí na tarde deste domingo na Ressacada, pela sexta rodada do Brasileirão, e mais uma vez não conseguiu produzir um bom futebol. No final o placar apontou o empate por 1 a 1, com gols de Rômulo para a equipe da casa, e Leandro Damião para os visitantes.
Este é o quarto jogo seguido sem vitória do Flamengo, com três empates e uma derrota na série. Com apenas uma vitória no Campeonato, o Rubro-Negro carioca já flerta com a zona do rebaixamento com apenas sete pontos. Já o Avaí está entre os quatro últimos da tabela com cinco pontos.
O próximo compromisso do Flamengo será diante da Ponte Preta, na inauguração do seu estádio da Ilha do Governador, batizado de Ilha do Urubu, na quarta-feira. No mesmo dia, Avaí faz um duelo de desesperados em Goiânia, contra o Atlético.



PALMEIRAS ENCERRA JEJUM DE VITÓRIAS E BATE O FLUMINENSE EM SP

O Palmeiras encerrou seu jejum de quatro jogos sem gols nem vitórias no Campeonato Brasileiro durante a tarde deste sábado. No Estádio Palestra Itália, com um gol no estilo ‘Cucabol’, o time alviverde ganhou do Fluminense por 3 a 1 e respirou na tabela de classificação.
Trajado com uma calça verde escura, Cuca viu Guerra abrir o placar após jogada iniciada em arremesso lateral. Ainda no primeiro tempo, o artilheiro Henrique Dourado empatou e Keno marcou o segundo do time da casa. Nos acréscimos da etapa complementar, Roger Guedes ampliou em um contra-ataque.
Com sete pontos, o Palmeiras sobe para o nono posto e, às 21h45 (de Brasília) de quarta-feira, enfrenta o Santos, no Estádio da Vila Belmiro. Já o Fluminense, quinto lugar com 10 pontos, busca a reabilitação diante do Grêmio às 21 horas de quinta, no Maracanã.



VASCO SE RECUPERA DA DERROTA NA RODADA PASSADA E VENCE EM CASA

O Vasco se recuperou da goleada sofrida no meio de semana e venceu por 2 a 1 o Sport, neste sábado, em São Januário. Com o resultado, os cruzmaltinos chegaram a nove pontos e subiram para a oitava posição do Campeonato Brasileiro. Já os pernambucanos seguem com sete, na parte de baixo da classificação.
Após um primeiro tempo muito ruim tecnicamente, o Vasco melhorou na etapa final e conseguiu chegar a vitória com gols de Luís Fabiano e Douglas. André, de pênalti, diminuiu para o Sport.
Na próxima rodada, o Vasco terá pela frente a Chapecoense, na Arena Condá, nesta quarta-feira. No mesmo dia, o Sport vai receber o São Paulo na Ilha do Retiro.


BOAVISTA PERDE EM CASA E DEIXA A LIDERANÇA DO GRUPO NA SÉRIE D

O Boavista desperdiçou a chance de encaminhar a classificação para o mata-mata da Série D do Brasileirão. Neste sábado (10), o Verdão foi derrotado por 2 a 0 pelo Red Bull Brasil (SP) no Estádio Elcyr Resende de Mendonça, em Saquarema, e deixou a liderança do Grupo A14, que agora é justamente do adversário. Ambos somam sete pontos, mas o Toro Loko leva vantagem no saldo.

Dependendo do resultado entre Caldense (MG) e Espírito Santo (ES), a diferença para o terceiro colocado pode cair para dois pontos. Os capixabas são justamente os próximos adversários do Boavista, no próximo fim de semana, no Kléber Andrade, em Cariacica.


MACAÉ VOLTA A JOGAR EM CASA MAS PERDE PARA O TUPI-MG

Em seu primeiro jogo no Moacyrzão em 2017, o Macaé não conseguiu colher um bom resultado. O time do Norte Fluminense foi superado pelo Tupi (MG), por 3 a 1, na tarde deste sábado (10), em confronto válido pela quinta rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. O revés, por sinal, mantém o Leão na zona de rebaixamento do Grupo B, com quatro pontos ganhos. O próximo desafio será fora de casa, contra o Botafogo (SP), no dia 18.

​​Campeonato de Karate - Fase Classificatória ES

Ao longo dos dias 8 a 11 de junho, a Confederação Brasileira de Karate (CBK), entidade oficial de administração nacional desta arte marcial, formadora da Seleção Brasileira oficial, devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), e vinculada aos Comitês Olímpicos Brasileiro (COB) e Internacional (COI), realizou a fase classificatória do Campeonato Brasileiro de Karate, edição 2017.


Delegações de 14 estados na Cerimônia de Abertura

A Cerimônia de Abertura do Campeonato Brasileiro foi marcada pela congregação de centenas de karateka (cultores do karate) e pelo discurso do presidente da CBK, Prof. Universitário Luiz Carlos Cardoso do Nascimento, que enalteceu a presença de tantos atletas e público presente, bem como o recém título geral Pan-Americano do karate brasileiro conquistado em Curaçao e o planejamento do karate para estrear nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020.


Prof. Luiz Carlos, presidente da CBK

Apesar do difícil momento econômico pelo qual passa o país, o karate brasileiro segue em franca ascensão. Ao longo dos três dias do campeonato, entre as delegações, torcedores e familiares, um público de aproximadamente quatro mil pessoas esteve presente nas dependências do Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, localizado em Vitória, Espírito Santo.


Dirigentes nacionais e estaduais do karate brasileiro

Exultantes com a confirmação do karate nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 após o projeto do karate ser aprovado na 129ª Sessão do COI, competiram mais de mil e cem atletas, que representaram catorze estados brasileiros e conferiram ao evento uma significativa representatividade e proveitoso intercâmbio sócio-esportivo entre crianças, jovens, adultos e idosos competidores e seus familiares.


O Karate estará nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020


No certame, foram disputadas por atletas das classes Sub 8 (6/7 anos), Sub 10 (10/11 anos), Sub 12 (10/11 anos), Sub 14 (12/13 anos), Cadete (14/15 anos), Júnior (16/17 anos), Sub 21 (18/20 anos), Sênior (18 anos em diante) e Máster (32 anos em diante) as modalidades individuais e por equipes de kata (luta imaginária com formas pré-determinadas) e kumite (luta por pontos). A organização do certame ficou a cargo do staff da CBK.


Seis tatames no ginásio "Tancredão" e muitas disputas

As chaves de competição do evento foram coordenadas pelo dir. Técnico da CBK, Prof. William Cardoso, e gerenciadas pelo Sistema Ronin, que mais uma vez mostrou-se confiável, preciso e funcional. Enfim, sucesso de público e crítica graças a parceria entre o Prof. José Roberto Braga e o programador Carlos Henrique Quadros.


Área de competição do evento

A delegação do estado do Rio de Janeiro foi representada pela Federação de Karate do Estado do Rio de Janeiro (FKERJ), e a Comissão Técnica foi liderada pelo presidente da entidade, Prof. Juarez Santos, e pelo diretor Técnico, Prof. Moacir Varella. Os técnicos presentes foram: Elbem Filho, Jaime dos Reis, José Roberto Braga, Leonardo Cruz, Leonardo de Sá, Manoel Varella, Maurício Marmelo, Samara Jardim, Wendell Gonçalves e Letícia (psicóloga).


Comissão Técnica da FKERJ

Também esteve presente ao evento o Mestre Oswaldo Mendonça, ex-atleta da Seleção Brasileira nos anos 70/80, que acompanhou atentamente a competição, concedeu entrevista a cobertura de Tv do canal CBK Play, manejada pelo câmera-repórter Dilvan Vieira, e foi alvo de tietagem daqueles que conhecem seu papel na história do karate brasileiro.


José Roberto Braga e o Mestre Oswaldo Mendonça

A Associação Maricaense de Karate-Do (AMK), tradicional escola desta arte marcial na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro, obteve digna participação ao conquistar duas medalhas em três possíveis com a atleta Kelly Fernandes, que é treinada na Academia VIP em Maricá e no Centro Integrado de Educação Pública George Savalla Gomes (CIEP 513 - Palhaço Carequinha) por José Roberto Braga, Prof. de Ed. Física da unidade, que também integrou a Comissão Técnica da delegação fluminense.


Kelly Fernandes (esq.) na categoria Júnior de kata

Detentora de quatro medalhas na fase final do Campeonato Brasileiro 2016, a atleta espera subir mais alto no pódio na final deste ano e só pôde competir nesta fase classificatória graças a ajuda e doações de amigos e da comunidade escolar estadual, onde cursa o Ensino Médio.


Kelly Fernandes (esq.) na categoria Sênior de kata

Considerando-se o elevado nível técnico da competição, os resultados individuais da aluna participante foram considerados satisfatórios dado o caminho até aqui percorrido, pois a atleta Kelly Fernandes passou por processos seletivos estaduais e garantiu sua vaga na Seleção Estadual Fluminense em maio passado, quando terminou vice-líder do Ranking Estadual por não ter conseguido disputar a primeira das três etapas motivada por dificuldades financeiras.

Acompanhe os resultados de Kelly Fernandes, aluna do Colégio Estadual Padre Manoel da Nóbrega em Niterói, e de todas as categorias do evento em www.sistemaronin.com

Modalidade kata (luta imaginária pré-determinada):


Kelly Fernandes em 1º lugar na categoria Sênior (kata)
Modalidade kumite (luta por pontos):


Kelly Fernandes - Júnior br/vd - 3º lugar





Kelly Fernandes em 3º lugar na categoria Júnior (kumite)

Simultaneamente ao Campeonato Brasileiro de Karate, a CBK realizou campeonatos brasileiros por segmentos:

Campeonato Brasileiro Universitário (em parceria com a CBDU)
Campeonato Brasileiro para Pessoas com Deficiência (PCD)Repercussão positiva na imprensa:

Para desenvolver ainda mais o seu potencial, Kelly Fernandes, exemplo para a infância e juventude de seu bairro e cidade, precisa de apoio para se manter no esporte, pois agora está classificada para disputar a fase final do Campeonato Brasileiro, que será realizada de 12 a 16 de outubro próximo. Apesar de ser uma menina guerreira, a dificuldade financeira tem sido uma adversária implacável. Você pode conhecer mais sobre a Kelly Fernandes ao acessar o nosso site www.karateamk.com ou entrar em contato pelo e-mail ou joserobertoamk@gmail.com para receber seu projeto de patrocínio.


Kelly Fernandes e seu prof. José Roberto Braga e o campeoníssimo 
técnico Jaime dos Reis

Citando o poeta Públio Virgílio Marão, autor da expressão latina "labor omnia vincit" (o trabalho a tudo vence), agradecemos a sinergia promovida por toda a equipe de professores, funcionários e direção do CIEP 513 George Savalla Gomes e Colégio Padre Manoel da Nóbrega, sem os quais esta missão não alcançaria o êxito obtido.


Como árvore sem raiz apodrece, oferecemos este resultado em gratidão e reconhecimento a Henrique Paixão Sensei, fundador da AMK e Mestre do Prof. José Roberto Braga, que por sua vez se empenha para desenvolver um trabalho de reconhecida qualidade graças aos ensinamentos obtidos ao longo dos últimos trinta e um anos de prática do karate-do.

Fotos e Texto : Jose Roberto Braga