Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Temporada de F1 de 2017

Kimi Raikkonen voou para desbancar o melhor tempo da manhã, anotado por Lewis Hamilton, e se tornar o mais veloz, colocando a Ferrari no topo no segundo dia de testes da pré-temporada da F1, no Circuito da Catalunha. Enquanto o tempo anotado pelo britânico foi de 1m20s983, com pneus supermacios (faixa vermelha), a marca do Homem de Gelo, de macios (faixa amarela), foi 1m20s960, deixando os fãs da escuderia italiana animados com o resultado. Max Verstappen, da RBR, ficou com o terceiro lugar, ao anotar 1m22s200, seguido por Kevin Magnussen, que impressionou ao completar 116 voltas e e terminar em quarto (1m22s204) com a Haas. Coube a Esteban Ocon, da Force India, fechar o top 5, com 1m22s509.


Mercedes fica atrás de Ferrari na tabela, mas completa mais voltas - Lewis Hamilton fez o melhor tempo de manhã e passou o bastão para Valtteri Bottas. O finlandês assumiu o comando do W08 à tarde, mas não chegou nem perto de incomodar os rivais, já que estava realizando uma simulação de corrida, com tanques cheios. Com isso, o caminho ficou livre para o Iceman ultrapassar as flechas de prata e colocar a equipe italiana na ponta da tablea por apenas 0s023. Além do melhor tempo, Raikkonen foi o segundo piloto que mais deu voltas (individulamente) neste segundo dia, com 108, ficando atrás apenas da Haas de Magnussen, que completou 118 voltas. A Mercedes foi, de novo, o time que mais completou voltas se somadas as atuações dos seu dois pilotos: total de 168.


Susto de Bottas - O incidente que chamou mais atenção à tarde foi protagonizado por Bottas, que escapou na mesma curva em que Lance Stroll rodou - encerrando sua participação no sedundo dia de testes após 12 voltas. Bottas perdeu a traseira e beijou o muro (veja abaixo), mas milagrosamente retomou a trajetória sem maiores problemas.

Fonte e Foto : UOL Esporte