Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Jacaré cai nocauteado


A derrota sofrida neste sábado (15) pode custar caro para o brasileiro Ronaldo Souza no UFC. Em Kansas City (EUA), Jacaré foi nocauteado por Robert Whittaker e perdeu grande chance de se credenciar a disputar o cinturão dos médios (84 kg) em sua próxima luta. 

Jacaré vinha de duas vitórias e aumentava a pressão sobre Dana White para deixá-­lo lutar pelo cinturão. A derrota é um golpe nas ambições do brasileiro, que de certa forma já foi preterido quando o UFC escolheu George St. Pierre como próximo adversário do atual campeão Michael Bisping. 

Depois de parecer estar tão perto, Jacaré volta ao final da fila. Agora quem ganha preferência entre os desafiantes é Yoel Romero ou quem sabe Gegard Mousasi. 

O próprio Whittaker também pavimenta seu caminho rumo à disputa do cinturão da categoria. "Bisping me deve uma luta, nós deveríamos ter lutado há algum tempo", lembra o australiano, referindo-­se a um combate casado antes de Bisping vencer o cinturão mas nunca realizado.

 "Ele agora está indo bem nos objetivos dele, mas, bem, ele me deve uma luta." 

Whittaker defende bem e resolve na trocação O australiano se defendeu bem no primeiro round, mantendo Jacaré à distância e mostrando boa trocação. O brasileiro tentou resolver no chão por ser faixa preta em jiu­jitsu, mas Whittaker conseguiu se livrar da armadilha. Depois, Whittaker acertou ótimo golpe e derrubou o brasileiro, mas não conseguiu resolver de cima para baixo e preferiu fugir do chão. Em seguida, alguns golpes do australiano entraram, e Jacaré não teve o mesmo poderio. Em uma das piores lutas de sua carreira, o brasileiro foi irreconhecível, mal acertou o adversário e acabou nocauteado aos 3:28 do segundo round.



Fonte e Foto : UOL Esporte